actor de La casa de papel pode ter sido afastado pela Netflix devido a forte depressão

Conhecido por protagonizar as séries “La Casa de Papel” e “Elite”, Miguel Herrán estará a atravessar uma forte depressão sendo afastado da Netfix.

As especulações sobre o debilitado estado mental do actor espanhol começaram no início de Julho deste ano, após Miguel Herrán partilhar um vídeo no Instagram em que aparece a chorar.

“Podia publicar milhares de fotos fixes que coleccionei para alimentar essa máquina mentirosa que é o Instagram. Podia insuflar o meu ego e preencher o meu vazio com ‘likes’, mas não hoje”, começou por confessar.

“Hoje, decidi dar-lhes uma parte sincera de mim. Não vou entrar em pormenores sobre o que está a acontecer comigo, porque nem sequer sei disso. Mas este sou eu, sem filtros, sem adoçantes e sem mentiras”, completou.

Após o lançamento da segunda temporada de “Elite”, na passada sexta-feira, em que Miguel Herrán é protagonista, vários fãs questionaram a razão das poucas cenas do actor nos novos episódios.

Nos primeiros capítulos, Christian, a personagem que Miguel Herrán interpreta, sofre um acidente de mota e é enviado para Suíça, longe do colégio de Las Encinas. Também em “La Casa de Papel”, Rio foi preso pela polícia e passa grande parte da terceira temporada sob a custódia do governo espanhol.

De acordo com a Imprensa internacional, durante as gravações das novas temporadas, o actor não conseguia sair de casa para trabalhar, o que levou ao afastamento de ambas as séries da Netflix.

As novas temporadas de “La Casa de Papel” e “Elite” estreiam-se em 2020. Contudo, a presença de Miguel Herrán não está confirmada.

JOIN THE DISCUSSION

two × five =