A maquilhagem de inverno que

Quando pensávamos que a estação do frio ia seguir o mesmo registo “txaram” do verão – que trouxe azuis eléctricos, muitos brilhantes e pestanas de boneca – e (re)lançar tendências arrojadas para a próxima estação, as inspirações de Nova Iorque, Paris, Londres e Milão mostraram que, afinal, vamos regressar aos clássicos. Mas, tal como na moda, uma tendência clássica não significa necessariamente velha e muito menos chata. Envolve toda uma nova abordagem criativa e artística que acaba por tornar os clássicos novamente modernos.

Se Chanel e Stella McCartney apostaram em visuais simples para uma mulher que não gosta de maquilhagem complicada, Rodarte, Louis Vuitton e Dior trouxeram os lábios escuros e dramáticos. Em Elie Saab, os olhos voltaram ao ousado smokey-eye e Valentino elogiou uma mulher com pele praticamente nude e iluminada. Depois de um verão extremamente quente (e suado, diga-se de passagem), nunca as cores de inverno foram tão refrescantes. O Observador escolheu sete tendências que vai ter de usar… já!

Lábios escuros

Dramáticos, bem desenhados e que podem ser mate ou com um toque de brilho. As cores vão desde os vermelhos até aos vinhos, aos roxos e mesmo pretos. Os produtos essenciais: lápis de lábios, batons e brilhos ou gloss.

Rosto minimal

Há quem diga que o visual da “não-maquilhagem” é dos mais difíceis de fazer porque implica tapar todas as imperfeições de forma a conseguir um resultado em que pareça que simplesmente nos limitámos a lavar o rosto antes de sair de casa. E para isso é preciso um bom jogo de corretores e pós terra. Mas o resultado é simplesmente suave, simples e leve. Os produtos essenciais: pós, corretores e sombras terra.

Olhos grunge

smokey-eye é intemporal, existe em todas as estações e o que acaba por variar são as suas diferentes abordagens. Este ano chega-nos em linhas gráficas e intensas, quase como uma versão de olhos “punk”. Em Elie Saab, Kendal Jenner deu vida a um visual que vai contra as últimas tendências (que apostavam num smokey-eye desenhado ao estilo Amy Winehouse) e que nos traz intensidade para os dias frios. Os produtos essenciais: eyeliner e sombras escuras.

 

Inspirações dos anos 70

Não é só no verão que os brilhos ganham vida, embora, nesta estação, cheguem com inspiração clássica. Romero Jennings, senior artist de MAC Cosmetics, diz que esta tendência abraça uma espécie de decadência jovem mas ponderada. Não se trata de brincar com a maquilhagem mas sim torná-la uma arte. Os produtos essenciais: eyeliner e sombras com glitter e pigmentos brilhantes.

 

Pele brilhante

Se durante o ano andou a brincar com as modas que saltaram das redes sociais, desde o strobing ao non-touring, anime-se porque este inverno os rostos iluminados vão continuar. Blush rosa, rosto bem iluminado e um pouco de brilho para aumentar os olhos. Os produtos essenciais: corretores, iluminadores e brilhos para os olhos em tons nude.

JOIN THE DISCUSSION

12 − 7 =