Aníbal MANAVE É O NOVO PRESIDENTE DA FIBA-ÁFRICA

O moçambicano Aníbal Manave foi eleito, este domingo, presidente da FIBA-África para quinquénio 2019-2023, no decurso da assembleia-geral da agremiação realizada em Bamako, capital do Mali.

Aníbal Manave, que sucede ao maliano Hamane Nang, era até à sua indicação presidente da FIBA-África ao nível da zona VI. Ainda este mês, o moçambicano fora indicado presidente do Conselho da África (BAL), designação da nova liga profissional que começa em Janeiro de 2020, com uma grelha de doze clubes.

A África Basquetebol League (BAL), a nova designação da competição – Basketball African League, em inglês -, é uma parceria entre a FIBA e a NBA, cujas receitas são repartidas em 50 por cento para cada uma das instituições.

Sobre a sua eleição, Manave afirmou: “Gostaria de agradecer a todas as Federações Nacionais pela confiança depositada em mim e, acima de tudo, por acreditarem nesta nobre missão do Presidente da FIBA ​​África.Também quero agradecer ao Presidente Hamane Niang, ao Diretor Regional Alphonse Bile e a todos os meus colegas do Conselho Central pelo apoio e incentivo para abraçar essa grande e importante tarefa. Sinto-me honrado e privilegiado por servir à FIBA ​​África. Estou ciente da grande responsabilidade que tenho de enfrentar, uma vez que a FIBA ​​África tem muitos desafios.”

A estrutura terá um Bureau Central e uma Comissão Executiva. O Bureau Central será integrado por 8 membros e liderado pela FIBA, que indica quatro, cabendo igual número a NBA.

Manave, antigo jogador, treinador e comissário, actual presidente da Zona VI da FIBA África, foi presidente da Federação Moçambicana de Basquetebol (FMB), de 1997 a 2005, tendo em 2017 sido eleito presidente do Comité Olímpico Nacional de Moçambique (CONM).

 

 

Texto: FIBA África e VIVA

JOIN THE DISCUSSION

eighteen − 11 =